Tel: (11) 976360100

Email: contato@stopcancerbr.com

Aviso Legal: As informações contidas nesse site são de caráter informativo e não representam conselho medico,  sugestão de tratamento, nem substituem o tratamento medico.

© 2017 por Stopcancer.br

Você precisa entender de onde vem o estresse, pois na presença dele, qualquer outra ação será superada pelo estresse.

O estresse vem de todos os pensamentos e emoções negativas: medo, raiva, amargura, ressentimento, falta de perdão, ciúme, inveja, culpa, vergonha, insegurança, arrependimento, preocupação e ansiedade. Todas as emoções negativas causam estresse - primeiro em sua mente e depois em seu corpo.

 

 Os dois principais hormônios do estresse dos quais você já ouviu falar são adrenalina e cortisol. A adrenalina pode dar-lhe força e poder extra para combater um atacante, correr mais depressa ou levantar um carro de alguém que está preso por baixo - estilo super-homem. O cortisol lhe dá energia. Ele diz ao seu fígado para converter glicogênio em glicose e despejá-lo em sua corrente sanguínea. E esse açúcar circula para todas as suas células e fornece combustível aos músculos para lutar ou fugir. É por isso que quando você está ansioso, nervoso ou chateado, fica um pouco nervoso. Você começa a tremer. Seus músculos estão carregados e preparados para a ação. Então, adrenalina e cortisol estão bombeando. Eles estão trabalhando juntos para dar poder e energia para lutar pela sua vida ... ou fugir. O trabalho deles é dar energia ao corpo onde é mais necessário em uma emergência. Então, esses hormônios também desligam partes do seu corpo que não são essenciais em uma situação de risco a curto prazo. Eles mudam seu sistema digestivo porque você precisa dessa energia para alimentar os músculos de suas pernas. Eles também desligam seu sistema reprodutivo porque isso também não é necessário para lutar ou fugir. Os hormônios do estresse desligam o sistema imunológico. Os hormônios do estresse também desligam partes do seu cérebro. A parte do seu cérebro que se torna dominante quando você está sob estresse é o tronco cerebral inferior - eles chamam de cérebro reptiliano. É aí que sua resposta de luta ou fuga está localizada. É o seu cérebro instintivo. E quando você está estressado, é muito difícil pensar de forma clara e racional. Costuma-se dizer que a pessoa está em modo binário: luta-fuga. No caso do câncer o grande impacto do stress é no sistema imunológico. 

Quando você está sob estresse crônico, você tem a função imunológica suprimida. Quando você está constantemente estressado, ansioso e lidando com muitos problemas em sua vida, sua imunidade está em baixa. As pessoas que estão estressadas geralmente ficam muito doentes porque seus sistemas imunológicos são fracos.

O estresse também contribui para a falta de sono. E quando você não dorme o suficiente, isso aumenta ainda mais seus hormônios do estresse porque seu corpo acha que você precisa ficar acordado. Então, isso é um pouco sobre o que os hormônios do estresse estão fazendo em seu corpo. Eles podem ajudar a salvar sua vida em uma situação perigosa de luta ou fuga. Mas, se permanecerem elevados como no estresse crônico, podem ser muito destrutivos para a sua saude. Por isso é de extrema importância que você aprenda técnicas para gerenciar o seu stress. Aprender a dizer não, aprender a perdoar aos outros e a si mesmo, usar o seu poder de escolha, aprender a ser grato e apreciar o que sua vida tem de positivo,  alem de técnicas especificas de meditação, biofeedback e mindfullness vai ajuda-lo a eliminar o stress crônico da sua vida.